provence

Eu preciso viajar para existir. Viajar, eu preciso. Acho que essa redundância me define.
Todos os dias, sem exceção, estou em sites de companhias aéreas e costumo simular vôos para vários lugares do mundo. É minha hora predileta do dia, aquela em que eu esqueço de tudo e começo a sonhar. Uma terapia e tanto!
Sonhar não custa nada e tenho certeza que é ai que tudo vai tomando forma na minha vida.
Essa viagem para a França aconteceu meio que por acaso, depois de fechar um casamento na Itália com os queridos Fernanda e Sérgio. Do Sul da França para o Norte da Itália é um pulinho (ou quase). Mas foi o roteiro que escolhi e acho que acertei em cheio.
Tinha sonhado há tempos com os campos de lavanda floridos, mas sabia que em abril ainda não seria época. Para mim só é um ótimo motivo para voltar. A Provence me surpreendeu, me tocou, é meu lugar preferido no mundo agora.
Entendi de perto como é o estilo provençal, as janelas coloridas em tons de azul e verde menta. O charme que os franceses colocam em cada cantinho. A gente pode andar por quilômetros que não vai encontrar um pingo de mal gosto por lá. Acho que eu poderia ficar meses só admirando as janelas e portas francesas. Sentar na Cours Mirabeau – uma das ruas que estão entre as mais lindas do mundo – à tardinha e ficar esperando o pôr do sol às 21:00h foi espetacular.
Quando a gente se perdia, encontrava uma cidade ainda mais encantadora. E as árvores e estradas davam aquela sensação de déjavu.
E quem disse que os franceses são ríspidos não conhece os que vivem na Provence. Muitíssimo educados, prestativos em entender nosso péssimo inglês e tentativas de algumas frases em francês.
Aqui está um pouquinho do que vimos por lá. Portas, janelas, carros e até eu, que não gosto muito de aparecer, feliz da vida por estar em Gordes.
Da França eu trouxe mais amor por coisas simples, por flores, carros antigos, portas e janelas coloridas e uma vontade imensa de voltar. E assim vamos tornando possível nosso sonho de conhecer o mundo, ou pelo menos pedaços muito interessantes dele ♡.



Deixe um comentário