Itália - Simone Lobo

Fiz essa viagem à Itália há 5 meses e foi muito difícil escrever esse post e mostrar as fotos. Descobri o porquê faz pouco tempo, em um Workshop incrível, ministrado por pessoas que eu admiro demais. Nele, fui incentivada a pensar nas fotos que eu amo fazer, me representam, e que eu gosto tanto que preciso guardar só para mim. Além de fotos do dia a dia da minha família, as que me representam muito antes de eu ser fotógrafa de casamentos são as fotografias de viagens.
E essa viagem, particularmente, foi uma que me tocou. Minha avó tinha origem italiana, mas por ter sido de família humilde, perdeu suas origens e não sabia de onde exatamente tinham vindo. E foi um pedido dela que eu buscasse isso. Não encontrei ainda, mas ali vi os vasos de flores nas janelas, os senhores de olhos muito azuis e pele avermelhada, falando alto e gesticulando, o cheiro de molho de tomate que entra na nossa cabeça, o vinho. Tudo o que vi tantas vezes na minha infância, que foi a melhor do mundo por causa da minha avó.
A Itália tem cheiro de molho de tomate, azeite e orégano, ciprestes imensos, pessoas na melhor idade em plena forma física, vasos nas janelas, vinho bom, roupas penduradas no varal. Tudo tem charme e sabor.
Um pedaço do que eu vi está aqui, com um pouco de ciúmes porque essa viagem teve um significado quase espiritual, por isso minha dificuldade em dividir.
Itália, eu te amo! Ciao!



Deixe um comentário